quinta-feira, 26 de março de 2020

Maneiras práticas de evitar Coronavírus + Download Checklist COVID-19 em Excel

A OMS (Organização Mundial da Saúde) e a OPAS (Organização Pan-Americanas da Saúde) publicaram um documento contendo as principais orientações tanto para empregados como para empregadores sobre o contágio e as formas de evitar o coronavírus (COVID-19).

checklist-covid-19-excel-coronavirus

Infecções virais tem grande poder de multiplicação em locais onde tem muitas pessoas próximos uma das outras, e vários locais de trabalho tem um ambiente perfeito para que o vírus se espalhe. Por esse motivo algumas empresas decidiram adotar o trabalho em casa (também chamado de home office), mas nem todas as empresas conseguem fazer isso com os seus funcionários, por isso que é preciso adotar algumas medidas de segurança e higiene no local.


MEDIDAS PRÁTICAS PARA EVITAR A PROPAGAÇÃO DO COVID-19

A contaminação de superfícies e objetos é a principal causa de disseminação do vírus, por esse motivo os objetos e superfícies e estações de trabalho devem ser constantemente desinfetados, se possível várias vezes ao dia, pois são usados e tocados por funcionários e clientes. 

As mãos devem ser constantemente lavadas com água e sabão e na impossibilidade de lavar as mãos, use álcool em gel 70%. A empresa deve colocar dispensadores de álcool em gel tanto pra funcionários como para clientes. Certifique-se que você, seus funcionários e clientes sabem lavar as mãos de forma correta.

Conscientize seus clientes e funcionários sobre a importância de manter uma boa higiene por meio de cartazes, imagens em redes sociais e palestras com dicas de prevenção.

Se estiver doente, não saia de casa. Ao tossir ou espirrar cubra o nariz e a boca com um lenço descartável, e na falta dele, use o braço para cobrir e nunca as mãos.

E no casos das viagens a trabalho, são realmente necessárias? Se não for, não vá. E se for realmente necessária, existe a possibilidade de fazer uma video-conferência? Se essa viagem tem que ser realizada, segue as orientações acima descritas e evite ir ou mandar funcionários que estão no grupo de risco ou que tenham alguma doença crônica. Se for a outros países, siga a orientação das autoridades locais.
Ao voltar de viagem de um país que está com um surto de COVID-19 é preciso monitorar os sintomas por 14 dias, e ao apresentar qualquer um deles (febre, tosse, coriza, dor de garganta ou dificuldade para respirar) deve ser orientado a ficar em casa.



O Ministério do Trabalho e Emprego publicou um ofício com orientações gerais aos trabalhadores e empregadores em razão da pandemia de COVID-19, e com base nesse ofício, desenvolvemos um checklist em Excel. 

Essa planilha pode ser baixada gratuitamente clicando no link abaixo:
Tamanho: 627kb
Formato: Excel (.xlsx)
Servidor: MEGA.nz

Nenhum comentário:

Postar um comentário